Avaliação da ingestão de macronutrientes e composição corporal de uma equipe jogadores de futebol da cidade de Ribeirão Preto

P. C. SANTOS, R. G. P. FAVARO, C. C. DATO, L. A. OLIVEIRA, F. G. CARVALHO

Abstract


Introdução: Jogadores de futebol têm procurado diversas estratégias para alcançar o condicionamento físico desejável, visto que esta modalidade esportiva exige rapidez, força e resistência. A alimentação adequada é imprescindível para manutenção da composição corporal, para melhorar ou manter o desempenho em competições, além de suportar a carga física no período de treinamento. Objetivos: Avaliar a ingestão de macronutrientes e a composição corporal de jogadores de futebol de um time de Ribeirão Preto. Métodos: Participaram do estudo 17 jogadores de futebol de uma equipe de Ribeirão Preto do sexo masculino, com idade entre 18 a 20 anos, que foram submetidos a um questionário de freqüência alimentar de consumo de macronutrientes, recordatório de 24 horas e avaliação antropométrica. Resultados: A média do consumo calórico dos atletas foi de 2.810 kcal, sendo que 52,53% destas calorias correspondem a carboidratos, 28,02% à lipídios e 19,45% à proteínas. Em relação ao Índice de Massa Corporal 16 atletas encontram-se eutróficos e apenas um apresentou sobrepeso, e quanto à porcentagem de gordura 13 atletas foram classificados com bom nível, três atletas apresentaram excelente nível e um atleta estava acima da média. Conclusão: O presente estudo apontou que os atletas apresentam estado nutricional adequado, porém observou-se déficit no consumo total de calorias, carboidratos e lipídeos e elevado consumo de proteínas, sendo que a permanência este comportamento a longo prazo pode comprometer o desempenho físico dos atletas. Desta forma o estudo evidencia a necessidade de orientação nutricional para estes jogadores.
■ Palavras-chave: futebol, consumo de macronutrientes, avaliação nutricional.


Full Text:

PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.