Influência da subnotificação no padrão alimentar

M. N. RAVELLI, M. M. P. SARTORI, I. RASERA-JR, N. P. P. SOUZA, M. R. M. OLIVEIRA

Abstract


Introdução: A avaliação do padrão alimentar vem emergindo como uma alternativa nos estudos de epidemiologia nutricional, substituindo as pesquisas baseadas em análise de nutrientes isolados. No entanto, a subnotificação da ingestão influencia a avaliação do consumo energético e pode, consequentemente, induzir a um padrão de consumo alimentar diferente quando comparado ao padrão de consumo de pessoas notificadoras plausíveis. Objetivo: avaliar a influência da subnotificação no padrão alimentar de mulheres obesas da fila de espera da cirurgia bariátrica. Métodos: participaram do estudo 412 mulheres, com idade entre 20 e 45 anos e índice de massa corporal entre 35 e 60 kg/m2. Informações de peso, altura e três registros do consumo alimentar e das atividades físicas de 24 horas foram utilizadas para estimativa da Ingestão Energética Relatada (IER), determinação dos subgrupos alimentares, Nível de Atividade Física (NAF) e Gasto Energético de Repouso (GER) das participantes com subsequente verificação da plausibilidade biológica do consumo energético. A discriminação dos padrões alimentares foi realizada por meio da análise fatorial, sendo estes confrontados para a verificação da influência da subnotificação. Resultados: das 412 mulheres, 147 foram classificadas como notificadoras e 255 como subnotificadoras da IER. A Subnotificação influenciou a discriminação do padrão alimentar geral, sendo que o 2º e 3º fator tiveram correlação moderada e o 1º e 5º fator apresentaram correlação fraca aos respectivos fatores do padrão alimentar geral. Conclusão: a subnotificação do consumo energético influenciou a discriminação do padrão alimentar devido ao sub-relato no consumo de alimentos altamente energéticos e de baixo valor nutricional.
■ Palavras-chave: Subnotificação; Padrão Alimentar; Análise Multivariada; Obesidade.


Full Text:

PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.