Evidência da deficiência de carboidratos e micronutrientes em nadadores de Ribeirão Preto

C. C. DATO, F. G. D. CARVALHO, B. S. M. GALAN, R. B. GOBBI, E. C. FREITAS

Abstract


Introdução: A natação, assim como outros esportes de alto nível, exige aporte nutricional adequado tanto para o desempenho e quanto recuperação dos nadadores após o treino. É importante orientar os atletas em relação ao consumo de vitamina A, E, C e os minerais, selênio e zinco, visto que, além de participarem de diversas funções metabólicas, estes micronutrientes atuam como antioxidantes. Desta forma, os atletas devem manter um consumo adequado destes a fim de minimizar os danos oxidativos causados pelo próprio exercício. Objetivos: Avaliar a ingestão de macro e micronutrientes e o estado nutricional de nadadores de uma equipe de Ribeirão Preto. Métodos: Participaram do estudo 12 nadadores treinados do sexo masculino com idade entre 17 e 22 anos, que foram submetidos a três dias de registro alimentar e avaliação antropométrica. Resultados: Os nadadores consumiram em média 3.440 kcal das quais 51 % advindas de carboidratos, 20,3% de proteínas e 28,4 % de lipídeos. Quanto aos micronutrientes observou-se consumo abaixo das recomendações para selênio (0,48 μg), potássio (3,54 mg), vitamina D (6,10 μg). Os nadadores estão eutróficos quanto ao Índice de Massa Corporal. Conclusão: Os nadadores apresentaram consumo excessivo de proteínas e insuficiente de carboidratos e micronutrientes de acordo com as recomendações das DRIs, sugerindo uma possível deficiência na ingestão.
■ Palavras-chave: nadadores, macronutrientes, micronutrientes, estado nutricional.


Full Text:

PDF

Refbacks

  • There are currently no refbacks.